La Casita
La Casita

Patenses reclamam do atendimento dos Correios em Patos de Minas; greve piorou situação nesta segunda

Segunda 12/03/2018 - André Amâncio
Fonte: Clube Notícia
Patenses reclamam do atendimento dos Correios em Patos de Minas; greve piorou situação nesta segunda

A greve dos Correios, que acontece em todo o Brasil, trouxe transtornos para a população de Patos de Minas. Na tarde de segunda-feira, muitos enfrentaram filas enormes para recolher cartas e encomendas que não foram entregues. Além da demora no atendimento, a comunidade reclama também da falta de condições para receber o público. Não há, por exemplo, fila prioritária para idosos ou gestantes, nem mesmo bancos suficientes. Como o espaço é pequeno, a fila se estende por uma escada apertada, pouco iluminada em um local abafado.

“É uma vergonha a gente ter que passar por uma situação dessas. Além de não entregarem nossas correspondências devidamente, quando se precisa buscar alguma coisa aqui, o atendimento ao público é péssimo”, disse um patense que prefere não ser identificado. A indignação é tamanha que, muitos chegaram a registrar, em redes socais, o descaso com o atendimento. “É uma vergonha. Fiz uma postagem [no Facebook] agora e todo mundo compartilha da mesma opinião: o serviço que os Correios prestam é horrível”, disse outra pessoa que estava na fila.

Os trabalhadores dos Correios em todo o Brasil entraram em greve na noite deste domingo e reivindicam melhorias, como segurança, aumento salarial e contratação de mais funcionários. Segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect), a paralisação não tem data para terminar.

A federação também explicou que a mudança no plano de saúde dos trabalhadores, assunto em julgamento no Tribunal Superior do Trabalho (TST), é um dos principais motivos da greve. A atual gestão da estatal quer que os dependentes, como pais, filhos e cônjuges, não recebam mais o benefício. A justificativa para a medida é a falta de recursos.

Sobre a greve da categoria, os patenses têm opiniões diversas. “Eu sou completamente contra, greve pra quê? As pessoas recebem é para trabalhar”, comentou irritado um idosos que aguardava atendimento. Já o jovem Henrique, de 19 anos, se diz solidário com os funcionários da estatal e culpa o Governo. “Eles têm que pagar direito, dar condições de trabalho, serem mais honestos com o trabalhador. No final, quem está sofrendo somos nos, o povo!”.

Através de nota em seu site oficial, os Correios avaliaram que “um movimento dessa natureza, neste momento, serve apenas para agravar ainda mais a situação delicada pela qual passa a empresa e afeta, inclusive, os próprios empregados”. Além disso, informaram que a questão do plano de saúde “foi discutida exaustivamente com as representações dos trabalhadores, tanto no âmbito administrativo quando em mediação pelo TST”.


Compartilhe


Comentários

Miss Pet
Conceito moda PLUS Size
Padaria Nova Viçosa
Miss Pet
Conceito moda PLUS Size
Padaria Nova Viçosa
Zeppelin Lanches