Unipam Nota 5
Unipam Nota 5

Vírus em redes sociais. Saiba como evitar.

"Os criminosos costumam usar informações colhidas em redes sociais para aplicar golpes e fraudes, fazer cadastros em lojas, bancos e muito mais."

Quinta 19/02/2015 - Aislan Henrique
Fonte: André Amâncio || Patos Agora
Vírus em redes sociais. Saiba como evitar.

O número de usuários nas redes sociais cresce a cada dia. É comum acessar facebook, twitter, instagram, todos os dias. Nesse cenário os criminosos encontram uma oportunidade para roubar informações dos usuários. Um pesquisa publicada em 2010 pelo site BitDefender, mostrou que 20% do usuários tiveram links maliciosos postados em seus murais.

Os cibercriminosos são muito criativos na hora de disseminar vírus, malwares, spaywares, e spams nas redes sociais. Costumam aparecer como um vídeo de celebridade, notícias absurdas, promoções irresistíveis e muito mais. Quem nunca viu um post prometendo mudar a cor do seu facebook, ou descobrir quem visitou seu perfil? É nessa hora que o internauta mais desavisado é infectado, e dissemina o vírus para que mais gente.

Os criminosos costumam usar informações colhidas em redes sociais para aplicar golpes e fraudes, fazer cadastros em lojas, bancos e muito mais. Verifique se você possui algum app interno do Facebook do qual você não lembre a instalação, caso encontre algo do tipo, desinstale do seu perfil.  Também é altamente recomendável que você execute uma limpeza no cachê do navegador utilizado. Outra medida é mudar a senha do seu perfil e do e-mail utilizado no cadastro.

Saiba como se proteger.

Não é só porquê você tem um antivírus instalado em seu computador que ele vai te proteger deste tipo de ataque. O antivírus protege sua máquina, não sua conta no facebook. Portanto, mesmo que seu perfil tenha sido atacado, dificilmente seu computador será atingido, mas pode acontecer. Por isso tenha sempre um bom antivírus instalado e mantenha ele sempre atualizado.

Tenha precaução e vigie ao fazer clique em links publicados em sites de redes sociais. Assegure-se de fazer clique em links só quando sabe que vai ser redirecionado a sites de confiança. Quando for possível, faça clique direito no link, copie e pegue em um documento de Word para revisar o destino provável da URL. Se não é um site que conhece ou confia, evite-o.

Evite os plugins de terceiros que só permitem ver o conteúdo desejado depois da sua instalação. O software maligno pode ser utilizado como porta de entrada através da qual os autores de malware estendem os vírus a seus amigos e seguidores dos meios de comunicação social.

Vírus de redes sociais estão frequentemente vinculados a publicações sensacionalistas sobre atualidades e celebridades, assim desconfie dos links que promovam informação exagerada ou pouco realista.

Texto : André Amâncio


Compartilhe


Comentários

Anuncie Aqui
Conceito moda PLUS Size
Padaria Nova Viçosa
MT Imports
Zeppelin Lanches