Vestibular Unipam 2018
Vestibular Unipam 2018

Tudo que você precisa saber sobre a dieta Low Carb: Funciona mesmo? Quais os cuidados e benefícios?

Quarta 03/10/2018 - André Amâncio
Tudo que você precisa saber sobre a dieta Low Carb: Funciona mesmo? Quais os cuidados e benefícios?

Para quem ainda não conhece, a dieta Low Carb visa a diminuir a quantidade de carboidratos ingeridos diariamente. Na dieta tradicional, cerca de 55% a 65% da colorias ingeridas são provenientes dos carboidratos. Já no método Low Carb, as calorias ingeridas diariamente dos carboidratos devem variar entre 20% a 40%.

Segundo os especialistas, o método Low Carb funciona para o emagrecimento e, sobretudo, pode melhorar a qualidade de vida de quem tem diabetes tipo 2, colesterol alto, e pressão alta. Mas como toda dieta, deve sempre ser feita após consultar um médico e um nutricionista.

A dieta Low Carb.

Os adeptos do Low Carb são incentivados a reduzir o consumo de carboidratos como; do arroz branco, pães e massas; que são substituídos por proteínas e gorduras. Mas tome muito cuidado! Consumir em excesso gordura animal pode aumentar o seu colesterol LDL (colesterol ruim) e diminuir o colesterol HDL (colesterol bom).

Priorize sempre alimentos como abacate, castanhas, azeite, coco, arroz integral, peixes como sardinha e salmão, que são ricos em gorduras insaturadas. Também é muito importante fazer exercícios físicos e ter um bom sono, senão ao invés de ter um emagrecimento saudável você só perderá massa magra.

Os benefícios da dieta Low Carb.

- Comer pouco; um dos grandes benefícios da dieta Low Carb é a sensação de saciedade e perda do apetite, logo você não passará fome. Na Low Carb o foco deixa de ser tanto na quantidade dos alimentos e passa a ser mais em sua qualidade.

- Perda de peso; maneirar nos carboidratos é um excelente aliado na perda de peso. Diminuir os carboidratos ajuda a glicose estocada no corpo em forma de gordura a ser queimada através do hormônio glaucagon.

- Maior parte da gordura liberada vem da barriga; Uma das maiores causas de doenças relacionadas ao metabolismo vêm de gordura acumulada na região abdominal. Como a dieta Low Carb queima essa gordura, você ganha muito em qualidade de vida é autoestima.

-Aumento do nível de colesterol bom; Muitas pessoas se perguntam. Como faço para aumentar meu colesterol bom? A dieta Low Carb proporciona isso. Você consumirá alimentos ricos em colesterol HDL, que é responsável por retirar gorduras das artérias.

-Melhora a qualidade de vida e previne várias doenças; melhora a diabetes tipo 2 ao reduzir os níveis de insulina e açúcar no sangue, diminuição na pressão arterial, muito eficaz no tratamento da síndrome metabólica, diminuição nos triglicerídeos no seu sangue e muito mais.

Como começar a dieta Low Carb

Como toda reeducação alimentar, é necessário consultar com um nutricionista, que vai te ajudar a montar sua dieta da melhor forma possível. Não adiante só pesquisar na internet. Mas depois que você já tomou todas as precauções, vá ao mercado e escolha os alimentos permitidos dentre os quais você mais gosta.

Experimente receitas diversificadas que você pode encontrar facilmente na internet. Também evite ter em casa os alimentos que estão fora da dieta, assim fica mais fácil resistir às tentações. É possível também ir mudando aos poucos, experimentando com alimentos que você já possui em sua dispensa.

Outra ótima dica é adquirir um livro digital com receitas Low Carb. Os livros são excelentes para quem não sabe como variar nas receitas e tem medo de “enjoar” da dieta. Aqui vai algumas dicas: A primeira é o livro “Low Carb Receitas - Cardápio Completo”. Ele custa 49,90 dividido em até 5x no cartão. Ou uma opção mais em conta e o e-book “200 receitas Low Carb”, que custa R$19,90 e a loja  da a opção de parcelar em até 3x.

Para quem a dieta Low Carb não é indicada;

A dieta Low Carb não é indicada para mulheres grávidas. Essa dieta pode causar o risco do feto apresentar defeitos no tubo neural. Para as mulheres que estão pensando em engravidar, também é altamente aconselhável procurar um médico. Crianças, adolescente e idosos também não são indicados para seguir esse modelo alimentar. Também é sempre bom lembrar que dietas restritivas não duram para sempre.

Quer receber dicas de dietas e receitas, produtos, artigos e muito mais? Curta nossa página no Facebook. Lá você vai encontrar tudo isso e muito mais!


Compartilhe


Comentários

Cebrac
Padaria Nova Viçosa
Anuncie Aqui